■Ama-me


Ama-me antes que a madrugada se acabe
antes que amanheça o dia.
Ama-me até nossos corpos se espalharem como cera derretida
que escorrem e se curvem aos anseios da vida


Amar Amar e Amar ....


Quero viver os meus dias recheados
De momentos de pura insensatez
No conforto do seu corpo desejado
Ver-me nos teus olhos com tesão e avidez

E na privacidade do meu canto
Despida de qualquer sentimento fugaz
Me entregar a ti suplicante
Sem temer ser esse um amor capaz

Destes nossos momentos quero mais
Por que nem o tempo apaga este braseiro
E o vento que sopra ascende ainda mais

Que os dias dessa emoção quase palpável
Seja tão intenso como um romance brejeiro
Que vai além... de um futuro durável